Como criar seu Mundo Simbólico e turbinar sua motivação

Mundo simbólico para Concurso Público

Você sabe de onde vem os naipes do baralho? Eles surgiram como conhecemos hoje por volta do século 16, na França, e cada naipe representa setores da sociedade da época: comerciantes (ouro), militares (espada), religiosos (copas) e camponeses (paus). Como a sociedade atual se organiza de maneira distinta (com divisões menos rígidas), esses símbolos já não fazem tanto sentido. Mas já imaginou como seria jogar baralho naquela época, com cada naipe representando as quatro forças da sociedade?

Desde os primórdios de sua existência o homem usa símbolos para representar suas relações sociais, suas questões internas e para manifestar sua criatividade. As pinturas rupestres encontradas em cavernas pré-históricas nada mais são que símbolos, expressões da condição humana.

Ao criar um símbolo o homem materializa um sentimento, um fato ou uma ideia. Sem os símbolos esqueceríamos das sensações por que passamos. Não teríamos como representar fatos notórios. Seria impossível que nós mesmos nos reencontrássemos com aquilo que nunca queremos esquecer, ou que outras pessoas entendessem essas mesmas coisas.

Letras são símbolos. Fotografias são símbolos. Desenhos e gravuras são símbolos. Logotipos são símbolos.

Se os símbolos têm essa capacidade incrível de nos remeter a sensações e entendimentos que não queremos esquecer, por que não criar um Mundo Simbólico que nos ajude a estar sempre conectados ao que é verdadeiramente importante em nossos estudos para Concurso Público?

Essa é uma das principais formas para você se manter motivado para o seu Concurso. Todos nós oscilamos muito na empolgação para estudar. Por isso precisamos de elementos que, quando estivermos em baixa motivação, nos eleve ao patamar adequado para seguir em frente nos estudos.

Para entender melhor o que estou dizendo, vou citar alguns dos meus principais símbolos em períodos de estudo, e o que eles representam para mim:

Foco e objetividade: a bússola

Bússola: símbolo de concurso

Sou colecionador de bússolas. Elas não são apenas objetos estilosos e bastante antigos (surgiram alguns séculos antes de Cristo), são também símbolos do “norte a seguir”. Sempre estudo e trabalho com uma bússola ao meu lado, pois não posso esquecer que devo sempre ter um objetivo, um caminho definido, para não me perder nos estudos. Me ajuda bastante a manter o foco nas minhas metas.

Superação: Mandela

Superação para Concurso: Nelson Mandela

Nelson Mandela passou 27 anos preso em virtude da luta pelo fim da segregação racial na África do Sul. Ao todo, foram cerca de 67 anos da sua vida atuando como advogado dos Direitos Humanos contra a discriminação racial (e você reclamando porque estuda há mais de um ano para um concurso).

Ele alcançou seu objetivo: a África do Sul  Depois desse período, se tornou livre e democrática, e Mandela foi o primeiro presidente do país nessa condição. Entre outros reconhecimentos, ele obteve o Nobel da Paz em 1993.

Qualquer pessoa pode elevar-se acima das suas circunstâncias e alcançar sucesso, caso se dedique e tenha entusiasmo pelo que faz. – Nelson Mandela

Poucas pessoas são tão inspiradoras quanto Mandela, que dedicou toda a sua vida a uma única causa. Lembrar de Mandela quando estamos desmotivados é dar um golpe de entusiasmo em seu espírito.

Conheça segredos para turbinar seus estudos!

Insira o seu endereço de email abaixo para receber gratuitamente dicas surpreendentes sobre como estudar para Concurso!

Paciência: Bonsai

Bonsai

Adoro Bonsai desde quando assisti a Karatê Kid, há muito tempo. É uma arte japonesa milenar que exige bastante delicadeza, cuidado e paciência. Quem cultiva Bonsai não precisa ser um gênio da estética, mas precisa de muita calma para ver cada broto surgir, podar raízes, direcionar os galhos e cuidar de aspectos como o tipo de solo, adubação, iluminação, rega etc.

Para mim, o processo de estudo deve ser como cuidar de um Bonsai. Nada de precipitação nem inquietação.

Inteligência: Machado de Assis

Machado de Assis

O velho Machado é meu grande exemplo de inteligência. Recentemente foi considerado entre os 100 maiores escritores do mundo pelo renomado crítico literário Harold  Bloom.  Não é à toa… Os livros de Machado de Assis são recheados de perspicácia e humor fino. Em um dos seus livros que mais gosto a história é contada por um morto – Memórias Póstumas de Brás Cubas (download gratuito).

Tenho um quadro com a foto desse cara na parede que fica em frente à minha mesa. Essa mesma foto que postei aqui. Ele me lembra que preciso relacionar os assuntos, criticar e refletir sobre eles.

Descontração: Minions

Minions

Se você ainda não assistiu ao filme Meu Malvado Favorito (um e dois), não sabe o que está perdendo. Talvez o enredo do filme, no geral, não lhe chame tanto a atenção, mas vale muito a pena só por causa desses personagens amarelinhos, os Minions. Eles sempre estão rindo, brincando e descontraindo mesmo nas missões mais trabalhosas.

Sempre que olho para um Minion lembro que levar tudo muito a sério pode gerar estresse e sentimentos negativos. Às vezes vale muito a pena dar um tempo nos estudos e relaxar um pouco. Confira o vídeo abaixo e entenda o que estou falando:

Crie seu Mundo Simbólico!

O que você está esperando para criar seu Mundo Simbólico? Tenho muitos outros símbolos importantíssimos para a motivação, e uso eles sempre que preciso realizar tarefas que aparentemente são enfadonhas ou que não parecem que me darão prazer. Quando termino essas tarefas chego à conclusão de que não era nada daquilo que eu imaginava.

Use a criatividade e lembre de suas experiências positivas para criar seus símbolos. Cada um relaciona um símbolo a um tipo de sensação. Acredite: eles têm um poder revolucionário para lhe dar mais prazer nos estudos.

O que aprendemos neste artigo

Neste artigo vimos que os símbolos são elementos poderosos de aumento da motivação. Através deles podemos relembrar e entrar em contato com elementos e sentimentos importantes para quem está estudando para Concurso. Mostrei alguns dos meus símbolos favoritos, e o que eles significam para mim. Também propus que você criasse seu próprio Mundo Simbólico, garantindo um crescimento significativo na sua motivação.

Peço sinceramente que você deixe seu comentário abaixo, contando sobre suas experiências e sobre seus símbolos. Críticas também são bem-vindas.

Até a próxima!

😉

  • Pingback: ()

  • Antomiria Santana

    Você é muito bom! Gostei muito de seus artigos, parabéns!

  • Celso Junior

    Olá, Danilo. O vídeo sobre a descontração não está mais disponível, será que não tem outra cópia no YouTube? Quero muito ver esse vídeo porque esse é um dos meus principais problemas, quero levar muito a sério as coisas e chego a um ponto que eu mesmo não me aguento, a minha própria disciplina se torna um tormento e acabo recaindo de vez por não ser tão flexível.

  • Wanessa Melo

    muito bom, é tudo que eu precisava entender sobre motivação, afinal, precisava muito. 😀

  • Celso Junior

    Tão bom reler um artigo tão bem escrito e motivado como este.

  • Luiz Felipe de Moura

    Um dos melhores artigos que já li, é algo que nunca tinha pensado para me ajudar nos estudos.
    Sensacional!