Concurso Liquigás – Como estudar do zero para passar (e materiais!)

Concurso Liquigás

O Concurso Liquigás já está mobilizando candidatos em todo o Brasil em busca de uma das vagas do concurso para uma das principais empresas brasileiras.

Neste artigo você terá a oportunidade de entender com profundidade os detalhes do Concurso Liquigás, e assim montar uma estratégia para se preparar do zero.

Caso surja alguma dúvida ao longo do artigo peço que deixe um comentário para que possamos esclarecer.

Vamos nessa!

O Concurso Liquigás 2018

Concurso Liquigás 2018

O entusiasmo nesse momento é muito grande: a Liquigás está com edital lançado (baixe no final do post) com 696 vagas disponíveis – 99 imediatas e as demais para cadastro de reserva.

As inscrições ocorrem até o dia 17 de abril, e as provas ocorrerão no dia 27 de maio de 2018.

Ao longo desse texto você vai ficar sabendo todos os detalhes sobre cada cargo – distribuição de vagas, salário, conteúdo da prova etc.

O que faz a Liquigás?

O trabalho da Liquigás

Algo muito frequente entre concurseiros é considerar apenas o salário da instituição quando pensam em fazer um concurso. Esse é um risco muito grande.

Conheço muitas pessoas que ficaram frustradas com o trabalho porque não buscaram informações reais sobre a instituição que abre concurso.

A Liquigás, atua no engarrafamento, distribuição e comercialização de Gás Liquefeito de Petróleo, também conhecido como GLP.

A empresa está presente em 23 estados brasileiros (exceto Amazonas, Acre e Roraima), o que representa uma ampla cobertura nacional.

A Liquigás atende mensalmente mais de 35 milhões de consumidores residenciais, com soluções que abrangem desde variados tamanhos de embalagens, como os botijões de 8 e 13 kg, para o gás de uso doméstico (Área de GLP Envasado) até o fornecimento de produtos e serviços sob medida aos mais diversos setores da indústria, comércio, agricultura, pecuária, aviários, condomínios, hotéis, entre outros (Área de GLP Granel).

E então? Você quer ser um colaborador dessa empresa? Se esse é seu interesse, vamos seguir na preparação!

Cargos do Concurso

Cargos Concurso Liquigás

O Concurso Liquigás tem vagas para os três níveis de escolaridade: fundamental, médio e superior.

Vale lembrar que nos cargos que envolvem atividades ou operações perigosas, que impliquem o contato permanente com inflamáveis ou explosivos em condições de risco acentuado, haverá acréscimo de 30% sobre o salário básico.

Veja a seguir as características de cada cargo.

Nível Fundamental

Nessa escolaridade há apenas o cargo de Conferente I.

Conferente I

Requisito: certificado de conclusão ou diploma de curso de Ensino Fundamental completo (antigo 1º grau) reconhecido pelo Ministério da Educação.

Salário inicial: R$ 1.733,36.

Nível Médio

Entre os cargos de nível médio, as vagas disponíveis são as seguintes:

  • Ajudante de Motorista Granel I
  • Assistente Administrativo I
  • Motorista de Caminhão Granel I
  • Oficial de Manutenção I – Elétrica
  • Oficial de Manutenção I – Eletrônica
  • Oficial de Manutenção I – Mecânica
  • Operador(a) de Gás I
  • Técnico(a) de Instalações I
  • Técnico(a) de Segurança do Trabalho I
  • Técnico(a) Químico(a) I

Ajudante de Motorista Granel I

Requisitos:

  1. Certificado de conclusão ou diploma de curso de nível médio, reconhecido pelo Ministério da Educação.
  2. Certificado de conclusão de curso específico de Movimentação de Produtos Perigosos – MOPP e certificado de conclusão de Treinamento de Segurança na Operação de Unidade de Processo – curso NR-13.

Salário inicial: R$1.321,09.

Assistente Administrativo I

Requisitos: certificado de conclusão ou diploma de curso de nível médio, reconhecido pelo Ministério da Educação.

Salário inicial: R$ 1.866,66.

Motorista de Caminhão Granel I

Requisitos: 

  1. Certificado de conclusão ou diploma de curso de nível médio, reconhecido pelo Ministério da Educação.
  2. Certificado de conclusão de curso específico de Movimentação de Produtos Perigosos – MOPP e certificado de conclusão de Treinamento de Segurança na Operação de Unidade de Processo – curso NR-13.
  3. Carteira Nacional de Habilitação Categoria “D” ou “E” e seis meses de experiência na função.

Salário inicial: R$2.060,46

Oficial de Manutenção I – Elétrica

Requisitos: 

  1. Certificado de conclusão ou diploma de curso de nível médio, reconhecido pelo Ministério da Educação acrescido de curso profissionalizante em Elétrica, com carga horária mínima de 180 horas.
  2. Certificado de conclusão de curso de Segurança em Instalações e Serviços em Eletricidade – curso NR-10 e certificado de conclusão de Treinamento de Segurança na Operação de Unidade de Processo – curso NR-13.

Salário inicial: R$ 1.733,36.

Oficial de Manutenção I – Eletrônica

Requisitos: 

  1. Certificado de conclusão ou diploma de curso de nível médio, reconhecido pelo Ministério da Educação acrescido de curso profissionalizante em Eletrônica, com carga horária mínima de 180 horas.
  2. Certificado de conclusão de curso de Segurança em Instalações e Serviços em Eletricidade – curso NR-10 e certificado de conclusão de Treinamento de Segurança na Operação de Unidade de Processo – curso NR-13.

Salário inicial: R$ 1.733,36.

Oficial de Manutenção I – Mecânica

Requisitos:

  1. Certificado de conclusão ou diploma de curso de nível médio, reconhecido pelo Ministério da Educação acrescido de curso profissionalizante em Mecânica, com carga horária mínima de 180 horas.
  2. Certificado de conclusão de Treinamento de Segurança na Operação de Unidade de Processo – curso NR-13 e Curso NR 10 – Segurança em Instalações e Serviços em Eletricidade.

Salário inicial: 1.733,36.

Operador(a) de Gás I

Requisitos: 

  1. Certificado de conclusão ou diploma de curso de nível médio, reconhecido pelo Ministério da Educação.
  2. Certificado de conclusão de Treinamento de Segurança na Operação de Unidade de Processo – curso NR-13.

Salário inicial: R$ 1.733,36.

Técnico(a) de Instalações I

Requisitos: 

  1. Diploma ou certificado de habilitação de técnico de nível médio em Elétrica ou Mecatrônica ou Mecânica ou Edificações reconhecido pelo Ministério da Educação.
  2. Carteira Nacional de Habilitação Categoria “B”; Registro no respectivo Conselho de Classe, como Técnico.

Salário inicial: R$ 2.984,14.

Técnico(a) de Segurança do Trabalho I

Requisitos: 

  1. Diploma ou certificado de habilitação de técnico de nível médio em Segurança do Trabalho, ou de curso de nível médio acrescido de certificado de conclusão ou diploma de curso de Supervisor de Segurança do Trabalho reconhecido pelo Ministério da Educação.
  2. Registro no Ministério do Trabalho e Emprego.

Salário inicial: R$ 2.510,41.

Técnico(a) Químico(a) I

Requisitos:

  1. Diploma ou certificado de habilitação de técnico de nível médio em Química reconhecido pelo Ministério da Educação.
  2. Registro no respectivo Conselho de Classe, como Técnico.

Salário inicial: R$ 2.510,41.

Nível Superior

Os cargos de nível superior são os seguintes:

  • Profissional de Vendas Júnior
  • Profissional Júnior – Administração
  • Profissional Júnior – Auditoria
  • Profissional Júnior – Ciências Contábeis

Profissional de Vendas Júnior

Requisitos:

  1. Certificado de conclusão ou diploma, devidamente registrado, de curso de graduação de nível superior, bacharelado, em Administração, Ciências Contábeis, Economia ou Marketing, expedido por instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação, Secretarias ou Conselho Estaduais de Educação.
  2. Carteira Nacional de Habilitação (CNH), definitiva, no mínimo categoria B.
  3. Experiência mínima de 6 meses em atividades comerciais.
  4. Disponibilidade para viagens.

Salário inicial: R$ 3.583,26.

Profissional Júnior – Administração

Requisitos: 

  1. Certificado de conclusão ou diploma, devidamente registrado, de curso de graduação de nível superior, bacharelado, em Administração, reconhecido pelo Ministério da Educação, Secretarias ou Conselhos Estaduais de Educação.
  2. Registro no respectivo Conselho de Classe.

Salário inicial: R$ 4.894,08.

Profissional Júnior – Auditoria

Requisitos:

  1. Certificado de conclusão ou diploma, devidamente registrado, de curso de graduação de nível superior em Administração, ou em Ciências Contábeis, ou em Ciências Econômicas, com essa ou equivalente denominação, expedido por instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação, Secretarias ou Conselhos Estaduais de Educação.
  2. Registro no respectivo Conselho.

Salário inicial: R$ R$ 4.894,08.

Profissional Júnior – Ciências Contábeis

Requisitos: 

  1. Certificado de conclusão ou diploma, devidamente registrado, de curso de graduação de nível superior, bacharelado em Ciências Contábeis, reconhecido pelo Ministério da Educação, Secretarias ou Conselhos Estaduais de Educação.
  2. Registro no respectivo Conselho de Classe.

Salário inicial: R$ 4.894,08.

O que estudar para a prova

Prova Concurso Liquigás

Agora vamos entender o que cai na prova do Concurso Liquigás. Novamente, é preciso considerar as peculiaridades dos cargos de nível fundamental, médio e superior:

Conteúdo dos cargos de Nível Fundamental

Você fará uma prova objetiva de Conhecimentos Básicos, com 30 questões, compostas pelas seguintes disciplinas:

  • Língua Portuguesa (30 questões)
  • Matemática (10 questões)

Conteúdo dos cargos de Nível Médio

Nos cargos de nível médio do Concurso Liquigás, existem três possibilidades de distribuição de conteúdo, a depender da vaga escolhida. Entenda a seguir.

Ajudante de Motorista a Granel e Operador de Gás

  • Língua Portuguesa (15 questões)
  • Matemática (15 questões)

Demais cargos de nível médio

  • Língua Portuguesa (10 questões)
  • Matemática (10 questões)
  • Conhecimentos Específicos (20 questões)

Conteúdo dos cargos de Nível Superior

  1. Língua Portuguesa (10 questões)
  2. Conhecimentos Gerais (5 questões)
  3. Noções de Informática (5 questões)
  4. Conhecimentos específicos (40 questões)

Para saber o peso de cada disciplina e o conteúdo de conhecimentos específicos, verifique o edital do concurso no final desse artigo.

Os melhores materiais (e apostilas em PDF)

No nível em que se encontra o desemprego no Brasil, o Concurso Liquigás surge como uma oportunidade de ouro.

Ter uma estratégia de preparação bem organizada, de estudos diários, priorizando a resolução de questões anteriores é fundamental.

Além disso, evite estudar por materiais divididos, com excesso ou falta de conteúdo. O ideal é montar sua preparação com materiais feitos especificamente para o Concurso Liquigás. Assim você não perde tempo com conteúdo desatualizado.

Sugiro que você verifique o material a seguir, que considero o melhor do mercado para o Concurso Liquigás.

Uma das grandes vantagens é que você pode devolver os materiais em até 30 dias, caso não lhe agrade:

Material Concurso Liquigás

Interessante, não é mesmo?

Com um material completo em mãos, dê uma olhada agora nas apostilas a seguir, para criar diferenciais contra a concorrência.

Agora responda o simulado a seguir, para você se situar em relação à prova do Concurso Liquigás.

Simulado Concurso Liquigás

Preparei um simulado com questões anteriores da banca organizadora do Concurso Liquigás (Cesgranrio). A ideia é que você possa desde agora ter uma noção de como o conteúdo é cobrado, e testar seus conhecimentos:

Sentiu dificuldade no Simulado? Comece agora a estudar!

O que aprendemos neste artigo

Hoje nos aprofundamos nos estudos do Concurso Liquigás, entendendo detalhadamente como funciona o concurso e o trabalho da instituição.

Conhecemos o conteúdo programático e materiais de estudo de qualidade para uma preparação inteligente. Finalizando, respondemos um simulado com questões anteriores.

Tenho um convite para você!

Agora que chegamos ao fim desse artigo, gostaria de pedir um breve comentário com sua opinião sobre o que leu aqui.

Pra mim é essencial contar com sua opinião para aperfeiçoar o trabalho aqui no blog. Faço questão de ler cada comentário, e respondo na primeira oportunidade que surge.

Até a próxima!

😉