Concurso TCE-SP: como se preparar do zero e ser aprovado!

Concurso TCE-SP

Hoje falaremos do Concurso TCE-SP, com vagas para uma das mais importantes instituições públicas do Estado de São Paulo: o Tribunal de Contas do Estado (TCE).

Resolvi escrever este artigo porque muitos paulistas acompanham o Segredos de Concurso, e recebi alguns pedidos para que publicasse algo sobre o concurso.

Vamos conhecer melhor o TCE-SP, obter informações sobre o concurso, e, principalmente, dicas para uma preparação de qualidade.

Sim… Também teremos materiais para nortear os seus estudos para esse concorrido certame.

Vamos nessa!

Qual a função do TCE-SP?

TCE-SP

Antes de estudar para um concurso público, qualquer que seja, é prudente tomar conhecimento sobre a missão do órgão que você pretende atuar.

É terrível passar num concurso e se frustrar com aquele que parecia o emprego dos sonhos. Então, vejamos o papel do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo.

O TCE-SP tem como competência atuar na fiscalização contábil, financeira orçamentária, operacional e patrimonial do Estado de São Paulo e de seus Municípios, exceto o da Capital.

Também atua nas respectivas entidades de administração direta ou indireta e na das fundações por eles instituídas ou mantidas. O TCE observa a legalidade, legitimidade, economicidade, aplicação de subvenções e renúncia de receitas.

Ou seja… Após ser aprovado no Concurso TCE-SP você deverá atuar na fiscalização do uso do dinheiro público no estado de São Paulo.
É isso que você quer fazer?

Os cargos do Concurso TCE-SP

Agente da Fiscalização - TCE-SP

Falaremos neste artigo sobre os cargos de Agente da Fiscalização e Agente da Fiscalização-Administração.

Veja as características de cada um deles:

Agente da Fiscalização

Missão: prestar serviços internos e externos no âmbito da fiscalização contábil, financeira, orçamentária, operacional e patrimonial do Estado e dos seus Municípios, exceto o da Capital, e das respectivas entidades da administração direta e indireta.

Escolaridade: Curso superior (grau de Bacharel) em Direito, Ciências Contábeis, Economia, Administração de Empresas ou Pública, Engenharia Civil ou Gestão de Políticas Públicas.

Salário: R$ 12.984,88

Agente da Fiscalização-Administração

Missão: prestar serviços internos e externos nas áreas da administração de pessoal, de materiais, de transportes, de comunicações, de finanças e orçamento, biblioteca.

Executar atividades didáticas pedagógicas que exijam conhecimentos específicos da área educacional e recreativa de convivência infantil ou nas áreas de saúde, assistência social e nutricional, executar.

Acompanhar atividades rotineiras que exijam conhecimentos específicos e outras atividades correlatas.

Escolaridade: Curso superior (grau de Bacharel) em Direito, Ciências Contábeis, Economia, Administração de Empresas ou Pública, Arquitetura e Urbanismo, Engenharia Civil, Gestão de Políticas Públicas, Biblioteconomia ou Documentação, Enfermagem, Nutrição, Pedagogia Especializada em Educação Infantil, Psicologia e Serviço Social.

Salário: R$ 12.984,88

O que estudar para passar no TCE-SP

Apostila TCE-SP

No caso do cargo de Agente da Fiscalização, você precisará estudar as seguintes disciplinas:

  • Língua Portuguesa
  • Raciocínio Lógico
  • Informática
  • Direito Administrativo
  • Direito Constitucional
  • Direito Civil
  • Direito Penal
  • Contabilidade Geral
  • Contabilidade Pública
  • Auditoria e Prestação de Contas

Caso sua preparação seja para o cargo de Agente da Fiscalização-Administração, segue o conteúdo programático:

  • Língua Portuguesa
  • Raciocínio Lógico
  • Informática
  • Direito Administrativo
  • Direito Constitucional
  • Gestão Pública
  • Políticas Públicas
  • Noções de Direito Financeiro e Orçamentário
  • Noções de Execução Orçamentária e Financeira
  • Administração Financeira e Orçamentária

E então? Qual conteúdo programático você tem mais facilidade para encarar?

Alguns materiais para o Concurso TCE-SP

Já sabemos o que faz o TCE, as atribuições dos cargos e o que cai na prova. Vamos agora ter acesso a alguns materiais que serão decisivos na sua preparação.

Primeiro, um material completo, com todas as informações e conteúdos presentes no edital. Entendo como indispensável ter um material assim, atualizado, para que você estude na medida certa para o concurso.

Estudando regularmente com um material completo, você pode buscar diferenciais através de materiais complementares que garantam um aprofundamento.

Material Concurso TCE-SP

Veja a seguir alguns materiais complementares, que podem lhe ajudar muito a estudar com qualidade.

Pronto! Agora é aliar seu material completo com as apostilas em PDF que indiquei acima.

😉

Algumas dicas pouco conhecidas

Mesmo o edital estando disponível para todos os candidatos, alguns não atentam para detalhes fundamentais.

A primeira delas é a seguinte: a prova é dividida em duas partes, a de conhecimentos gerais e a de conhecimentos específicos.

Conhecimentos gerais são Português, Raciocínio Lógico e Informática. As demais disciplinas integram a parte de conhecimentos específicos.

A prova é composta por 40 questões de conhecimentos gerais e 40 questões de conhecimentos específicos.

Mas as questões de conhecimentos específicos têm peso 2. Ou seja: a parte de conhecimentos gerais vale 40 pontos, a de conhecimentos específicos vale 80 pontos.

Além disso, os critérios de desempate privilegiam quem se dá bem nas disciplinas específicas. Veja quais são todos os critérios (em ordem):

  1. Tiver idade igual ou superior a 60 (sessenta) anos;
  2. Tiver maior número de acertos nas questões de Conhecimentos Específicos (disciplina Direito Administrativo);
  3. Tiver maior número de acertos nas questões de Conhecimentos Específicos (disciplina Contabilidade Pública);
  4. Tiver maior número de acertos nas questões de Conhecimentos Gerais (disciplina Língua Portuguesa).

Não deixe de estudar as disciplinas de conhecimentos gerais, mas tenha um carinho especial pelas disciplinas de conhecimentos específicos.

(A prova do próximo Concurso TCE-SP ocorre em dezembro de 2017, e as inscrições devem ser feitas no site da Vunesp).

O que aprendemos neste artigo

Hoje nos aprofundamos no Concurso do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo. Conhecemos um pouco mais da instituição e vimos as características, vantagens e exigências dos cargos.

Conhecemos o conteúdo programático do concurso, além de informações e dicas para se preparar com mais qualidade.

Também tivemos acesso a materiais de muita qualidade para incrementar a preparação.

Agora preciso da sua ajuda!

Finalizando este artigo, quero lhe pedir um simples comentário dizendo o que achou dele. Pra mim é fundamental contar com a sua opinião.

Se quiser, deixe uma dúvida para que eu possa lhe ajudar. Faço questão de ler cada comentário, e respondo na primeira oportunidade que surge.

Até a próxima!

😉

  • Caroline Britto

    Muito obrigada pelas dicas! Você tem sido fundamental no preparo dos meus estudos!

  • Re

    Uma dúvida… Para quem trabalha e está começando, melhor prestar Administração que tem menos Direito e menos vagas ou Agente que tem mais Direito e mais vagas?

    • Oi, Re… Essa escolha envolve muitos aspectos, inclusive a sua vocação para exercer uma ou outra atividade. Mas considerando apenas o critério da concorrência, entendo que é melhor fazer para aquele onde você tem mais domínio do conteúdo, independentemente da quantidade de vagas. Abraço!

    • Oi, Re… Essa escolha envolve muitos aspectos, inclusive a sua vocação para exercer uma ou outra atividade. Mas considerando apenas o critério da concorrência, entendo que é melhor fazer para aquele onde você tem mais domínio do conteúdo, independentemente da quantidade de vagas. Abraço!

    • Oi, Re… Essa escolha envolve muitos aspectos, inclusive a sua vocação para exercer uma ou outra atividade. Mas considerando apenas o critério da concorrência, entendo que é melhor fazer para aquele onde você tem mais domínio do conteúdo, independentemente da quantidade de vagas. Abraço!

    • Oi, Re… Essa escolha envolve muitos aspectos, inclusive a sua vocação para exercer uma ou outra atividade. Mas considerando apenas o critério da concorrência, entendo que é melhor fazer para aquele onde você tem mais domínio do conteúdo, independentemente da quantidade de vagas. Abraço!