A serpente venenosa que pode destruir seus estudos para Concurso!

Reclamação e Concurso Público

Já escrevi aqui no Segredos de Concurso um artigo bem consistente sobre comportamentos que candidatos de sucesso evitam enquanto estão se dedicando aos estudos para um Concurso Público. Além daqueles, há um comportamento que é um grande perigo para quem precisa passar em um Concurso, mas que passa desapercebido pela esmagadora maioria dos concurseiros.

Assim como uma serpente traiçoeira e venenosa, esse comportamento se aproxima de você, e, quando menos imagina, o estrago já foi causado.

O nome dessa serpente é “reclamação”. Uma prática muito comum e aparentemente inofensiva, e por isso mesmo destruidora.

Reclamar é manifestar para si ou terceiros sua insatisfação ou incômodo com algo. Sempre que alguém faz uma reclamação está demonstrando que algo deu ou está dando errado.

Aparentemente, quem reclama pretende ver um problema ser resolvido. Entretanto, a questão é que, na prática, a reclamação não é tão útil assim, pelo menos para a realidade do concurseiro.

Neste artigo vou demonstrar como ser um reclamão pode minar sua preparação, pontuando os resultados que a prática da reclamação pode ter. Vamos lá!

Faz com que você fuja da sua culpa

Concurseiro que foge dos problemas

A reclamação, muitas vezes, é o resultado de uma incapacidade de lidar com os próprios erros. Desesperado por não saber ao certo porque um problema está acontecendo, evitando se responsabilizar pelo cenário em que se encontra, o reclamão acaba colocando a culpa de todos os seus obstáculos em terceiros (coisas ou pessoas).

Por isso, a reclamação é a melhor forma de evitar resolver seu problema. É como se o defeito mecânico do seu carro fosse no motor e você insistisse em tentar concertar a caixa de marcha. Será que o defeito é corrigido assim?

Conheça segredos para turbinar seus estudos!

Insira o seu endereço de email abaixo para receber gratuitamente dicas surpreendentes sobre como estudar para Concurso!>

Na realidade do Concurseiro, posso citar a grande reclamação das pessoas em relação à dificuldade da prova ou da concorrência. O problema está na prova/concorrência ou na sua capacidade de estudos? Ela é a mesma para todos os candidatos, ou não?

Lhe deixa mais tempo lidando com o problema

Poupar seu tempo para concurso

Quanto mais você reclama, mais tempo o problema estará em contato com você. Gosto muito do que diz a Oração da Serenidade, que é uma referência para as organizações de Alcoólicos Anônimos em todo o Brasil:

Concedei-nos, Senhor, a Serenidade necessária para aceitar as coisas que não podemos modificar. Coragem para modificar aquelas que podemos, e Sabedoria para distinguir umas das outras.

Obviamente, nosso objetivo aqui é outro, mas vale questionar se não estamos viciados e dependentes das reclamações. Quanto mais reclamamos, mais tempo perdemos nos relacionando com aquilo que não podemos modificar. Pense nisso!

Contamina seu ambiente

Reclamação contamina ambiente de Concurso

Talvez você conheça alguém que reclama bastante, e sabe como isso incomoda, diminuindo seu bem-estar durante todo um dia.

Já parou pra pensar que suas reclamações podem ter o mesmo efeitos em outras pessoas – e também em você?

A reclamação nada mais é que um grito de desespero e uma manifestação de incompetência para lidar com o que precisa ser resolvido de outro modo. Nem você, nem quem lhe ouvir, vai conseguir modificar sua condição através de reclamações.

Um exercício prático para matar a serpente!

Evitar reclamação no Concurso

Se você não quer ser vítima da reclamação, aqui vão alguns passos para evitar ser “picado” por essa serpente:

  1. Tente, cotidianamente, perceber o exato momento em que algo está lhe incomodando.
  2. Assim que perceber o incômodo tente se isolar, respirar e analisar o que está gerando seu mal-estar.
  3. Às vezes você não vai conseguir detectar o que é rapidamente, mas assim que identificar seu problema pense bem no que é preciso fazer para resolvê-lo.
  4. Lembre-se que a maioria dos nossos problemas não podem ser resolvidos de uma hora para outra. Outros, sequer serão resolvidos. Por isso, tenha paciência.
  5. Quanto mais você praticar esses passos, mais ficará um expert em eliminar as reclamações de sua vida, ganhando tempo e sendo mais eficaz para resolver seus problemas.

O que aprendemos neste artigo

Hoje vimos como a reclamação pode ser destrutiva para a sua preparação para Concurso Público. Mostramos como evitá-la em cinco passos práticos, tornando sua preparação mais eficaz e positiva.

Tenho um convite para você!

Gostaria de saber como você se relaciona com essa “serpente”, e como costuma evitá-la na sua preparação para Concurso Público.

Seu comentário é fundamental para mim e para os demais leitores, que também precisam encontrar boas práticas de estudo.

Leio todos os comentários, e respondo-os na primeira oportunidade.

Até a próxima!

  • Suely Maciel Maciel

    bom dia Danilo, eu amo suas postagens…
    graças a deus, não tenho reclamado não, quando surge a aurora digo>>> obrigada meu deus, por mais um dia de estudos…
    as vezes bate uma pontinha de desânimo, quando a cabeça doí de tanto estudar, aí paro e relaxo vendo tv ou conversando com minha irmã e quando retorno ao estudo ta tudo bem de novo…
    posso dar dicas para quem sonha com uma vaga?
    *mentalize você assinando o termo de posse.
    *mentalize você realizando seus sonhos, conquistando a indepencia.
    *mentalize você ajudando sua família.
    *mentalize suas fèrias com dinheiro no bolso.
    *por fim mentalize você acordar e agradecer a deus porque está trabalhando dignamente…
    abraços e muito obrigada!

    • Jaqueline

      Legal Suely! Além de mentalizar todas as coisas boas que passar no concurso pode proporcionar, sempre mentalizo eu trabalhando no órgão para o qual farei a prova, passo na frente todos os dias e penso:” Um dia estarei lá dentro, como servidora!” Este pensamento me fortalece! Obrigada pelas dicas 😉

    • Isso aí, Suely! Perfeitas considerações. 🙂

  • Jaqueline

    Olá Danilo! Muito interessante! Lendo seu artigo fiquei pensando no que ocorreu comigo esta semana. Estou estudando online e fiquei sem internet por uns sete dias (eu acho), ao invés de ficar reclamando que perderia aulas, que sairia prejudicada, resolvi estudar uns arquivos que tinha salvo no meu computador, lendo e reescrevendo as partes mais importantes da matéria. Isso me ajudou a não ficar pensando no prejuízo que a falta de internet ocasionou. Agora a situação está restabelecida, ainda bem! Realmente, poderia ter ficado este tempo reclamando, mas optei por outro caminho! Obrigada pelas palavras sempre muito úteis! Abraço!

    • Justamente, Jaqueline. Nossa energia deve ser toda canalizada para o nosso objetivo: passar no Concurso Público. 🙂

    • Giovana

      Bacana,em partes até gosto quando a net cai…Fico lendo a Lei seca até sair “sangue dos olhos”….kkk

  • Kaike M

    Olá, Danilo! Nossa, eu ando reclamando demais, estou até chato. Fico procurando problemas que eu sei que conseguiria resolver, mas acho que tenho preguiça de conSertá-los. Eu pretendo fazer vestibular final do ano, mas fiquei até agora me enrolando em casa para estudar. Estudei pouquíssimo até agora. Pretendo entrar num cursinho agora metade do ano e tentar recuperar o tempo perdido. Obrigado pelos seus textos, sempre o acompanho.

    Abraços,

    Kaike M.

    • Pois é, Kaike. Vale a pena abandonar esse comportamento. Quando estiver obtendo algum resultado, nos conte. Abraço!

  • Ingrid Lorraine

    Nossa este artigo abriu os meus olhos, por que ultimamente eu ando reclamando demais, e sei que isso gera um certo comodismo pois não resolvo meus problemas, e sim vou empurrando com a barriga.
    Vou começar a olhar pelo lado positivo, que é ser uma servidora pública!
    Obrigada pelos conselhos!

    • Por nada, Ingrid. Não se acomode… A solução está em você mesma. Abraço!

  • Jessica Carvalho

    Poxa Danilo primeiramente mais uma vez parabéns pelos seus posts! Eu já tinha percebido a um tempo que reclamava de mais e fazia pouco para mudar e que claro é ruim, porém não tinham sacado ainda que além de momentos no dia a dia eu fazia nos estudos!! Obrigada mais uma vez porque agora que sei que isso pode ser uma pedra em minha preparação posso remove-la e isso graças a você! Parabéns, abraços.

  • Giovana

    Ai Danilo !Detesto cobras…Quase infartei ao ver a primeira imagem..kkkk.Até meu sono foi embora…Rsrs..Que artigo encantador.
    Abraços.

  • Fer Gonçalves

    Olha, realmente é muito difícil lhe dar com as reclamações. Eu tenho um trabalho estressante e poucas horas para estudar. O que eu faço é rezar, pedir para Deus paciência e serenidade e por aí vai…

    • Oi, Fer… É realmente difícil. Mas podemos ir evoluindo aos poucos. Cada dia avançamos mais. Não desista! Abraço!