Concurso Auditor Fiscal SEFAZ-RS: o Guia Completo com materiais!

Concurso Auditor Fiscal SEFAZ-RS

É hora de falar do Concurso Auditor Fiscal SEFAZ-RS, uma das pérolas dos concursos públicos no estado do Rio Grande do Sul, que atrai a atenção de concurseiros até de fora do território gaúcho.

Aqui você terá a oportunidade de conhecer os detalhes do concurso – desde os requisitos e atribuições até dicas e materiais para fazer uma prova de alto nível.

Caso surja alguma dúvida ao longo do texto, deixe um comentário para que possamos esclarecer o que for necessário.

Vamos lá!

O concurso Auditor Fiscal SEFAZ-RS 2018

Auditor Fiscal SEFAZ-RS

Já está aberto o concurso para Auditor Fiscal da Secretaria da Fazenda do Rio Grande do Sul 2018. Ao todo são 50 vagas de nível superior com remuneração acima dos R$20 mil reais.

O concurso será organizado pela Cespe/Unb e tem inscrições abertas entre os dias 15 de outubro e 13 de novembro.

Já as provas estão previstas para ocorrer nos dias 2 e 3 de fevereiro de 2019.

Qual é o trabalho da SEFAZ-RS?

Auditor Fiscal

Antes de falarmos propriamente do concurso da SEFAZ-RS, vale a pena você compreender qual é o papel desempenhado pela Secretaria.

Quando for aprovado no concurso você passará o resto da sua vida dedicado a essa instituição, e deve desde agora, portanto, compreender a importância de trabalhar nela.

Veja algumas atribuições da Secretaria da Fazenda do Rio Grande do Sul:

  • Administração tributária.
  • Administração financeira.
  • Administração orçamentária, programação financeira e liberação de recursos orçamentários.
  • Administração da dívida pública.
  • Contabilidade pública e societária.
  • Auditoria da administração pública.
  • Política de estímulos fiscais.
  • Avaliação dos convênios e ajustes realizados pela Administração com a União, os Estados e os Municípios.
  • Identificação da dívida e análise de fontes de recursos.
  • Administração financeira da folha de pagamento de pessoal do Estado.
  • Definição de limites globais para orçamentação e programação de liberação de recursos orçamentários e financeiros, compatíveis com as estimativas e a arrecadação da receita pública.
  • Administração do serviço público de loterias do Estado; tecnologia da informação e certificação digital.

A Secretaria da Fazenda é chefiada pelo Secretário Estadual da Fazenda, cargo de livre nomeação do Governador do Estado do Rio Grande do Sul.

O Cargo de Auditor Fiscal do Rio Grande do Sul

Agora vamos entender quais são as características do seu futuro trabalho. Para começar, veja o vídeo a seguir, que mostra em 30 segundos qual é o trabalho do Auditor Fiscal:

O Auditor-Fiscal da Receita Estadual, é quem dá início à ação fiscal do Estado. Ele executa a auditoria fiscal em relação a contribuintes e demais pessoas envolvidas na relação jurídico-tributária.

Para isso ele exerce a fiscalização repressiva, com imposição das multas cabíveis e realiza a apreensão, mediante lavratura de termo, de bens, equipamentos, objetos, livros, papéis e documentos em qualquer meio de armazenamento, inclusive digital ou eletrônico, necessários ao exame fiscal.

É o Auditor da SEFAZ-RS quem garante que as leis tributárias sejam cumpridas em todo o estado do Rio Grande do Sul.

Para concorrer ao cargo, você precisa ter formação de nível superior em uma das áreas a seguir:

  • Administração.
  • Ciências Contábeis.
  • Ciências Econômicas.
  • Ciências Jurídicas.
  • Ciências Sociais.
  • Engenharia.
  • Tecnologia da Informação

A remuneração informada pela própria instituição é nada mais nada menos que R$ 20.463,50 mil reais. Nada mal, não é mesmo?

A seguir vamos ver todos os detalhes da prova do concurso para que você consiga uma preparação que lhe leve a essa remuneração mensal.

Vamos nessa!

O que cai na prova (e dicas de estudo!)

Prova de Auditor Fiscal SEFAZ-RS

Passar no concurso Auditor Fiscal SEFAZ-RS é um grande desafio, mas se você já possui a escolaridade exigida, tem bastante tempo para uma preparação sólida de qualidade.

Vamos passar um pente fino na estrutura da prova, que é dividida em três partes:

  • Prova Objetiva Bloco I – 100 questões.
  • Prova Objetiva Bloco II – 80 questões.
  • Prova Objetiva Bloco III – 80 questões.

A prova objetiva I será realizada no dia 2 de fevereiro de 2019, e as demais no dia 3 de fevereiro de 2019.

Veja a seguir o conteúdo programático de cada uma delas:

Prova Objetiva Bloco I

  • Língua Portuguesa – 26 questões.
  • Direito Empresarial, Direito Civil e Direito Penal – 28 questões.
  • Tecnologia da Informação – 26 questões.
  • Matemática e Raciocínio Lógico – 20 questões.

Aqui temos como prioridades óbvias as disciplinas que trazem mais questões, já que todas elas possuem o mesmo peso. Mas se formos analisar o tamanho dos conteúdos programáticos, veremos que é muito mais fácil acertar as 26 questões de Língua Portuguesa ou de Tecnologia da Informação do que as 28 questões de Direito Empresarial, Civil e Penal.

Língua Portuguesa e Tecnologia da Informação são responsáveis por mais de 50% da prova. Outras 5 disciplinas (3 áreas do Direito, mais Matemática e Lógica) ficam com 48% da prova. Priorize, então, Língua Portuguesa e Tecnologia da Informação.

Pegue aqui uma apostila de Tecnologia da Informação em PDF, para ajudar a criar diferencias nos seus estudos!

Prova Objetiva Bloco II

  • Contabilidade – 30 questões.
  • Direito Administrativo e Direito Constitucional – 20 questões.
  • Direito Tributário – 30 questões.

Das três disciplinas do Bloco II, Direito Tributário é a menos pesada, pois tem uma carga de conteúdo menor. Direito Administrativo/Constitucional tem um conteúdo amplo, mesmo cobrando 20 questões. Contabilidade, com 30 questões, também tem um conteúdo bem extenso.

Pegue esta apostila de Direito Tributário para melhorar a qualidade da sua preparação!

Prova Objetiva Bloco III

  • Legislação Tributária Estadual do Rio Grande do Sul – 40 questões.
  • Auditoria Contábil e Auditoria Fiscal – 40 questões.

Aqui estamos diante das disciplinas mais importantes do concurso: são 80 questões divididas em duas provas. A parte de Auditoria Contábil e Auditoria Fiscal não possui um conteúdo tão amplo, e pode ser um grande diferencial na sua prova.

Pegue aqui uma apostila de Auditoria Contábil!

Os melhores materiais para estudar

Um concurso de Auditor Fiscal exige uma preparação diferenciada, com muita dedicação e inteligência. Uma remuneração superior a R$20.400,00 mil reais não se encontra em qualquer esquina.

Por isso você precisa otimizar seu tempo no máximo, para que consiga estar melhor preparado para o concurso SEFAZ-RS.

Primeiramente e mais óbvio: estude diariamente e o máximo possível de horas por dia. Não precisa começar estudando muito, mas progressivamente estabeleça um aumento da sua carga horária de estudos, e assim garanta acesso a mais tópicos do conteúdo programático.

Além disso, você precisa responder questões de concursos anteriores, pois assim treina na prática o que aprendeu. É muito comum ver candidatos que lêem e entendem o conteúdo e não conseguem responder as questões sobre ele, porque não estão acostumados a responder questões de concurso.

Se possível, responda as questões sobre o tema que acabou de ler, para associar o conteúdo estudado com o método de cobrança nas provas.

Além disso, escolha um material de estudo com as seguintes características:

  • Material atualizado.
  • Material sem ausência de conteúdo exigido pelo edital.
  • Material sem conteúdo que não cai na prova.
  • Material de qualidade, feito por professores gabaritados.
  • Material de confiança, onde você recebe o que compra.

Existem muitos materiais soltos pela internet, mas geralmente não são úteis para nosso objetivo primordial: poupar tempo.

O ideal é que você tenha todo o conteúdo já garantido num só material – e, no máximo, use materiais complementares para criar diferenciais ou tirar dúvidas mais aprofundadas.

Entre os melhores cursos e apostilas que testei para o Concurso Auditor Fiscal SEFAZ-RS, sugiro que você dê uma olhada no material a seguir – 100% confiável, e com a vantagem de devolução em até 30 dias, caso não goste do conteúdo. Confira:

Apostila e Curso Concurso Auditor SEFAZ-RS

Para finalizar, pegue esta apostila complementar de Contabilidade Avançada (uma das disciplinas mais desafiadoras do concurso) e o edital do concurso para tirar suas dúvidas.

Bons estudos!

O que aprendemos neste artigo

Hoje mergulhamos no concurso de Auditor Fiscal da Secretaria da Fazenda do Rio Grande do Sul. Vimos os detalhes do cargo e o trabalho desenvolvido pela instituição.

Além disso, entendemos a estrutura da prova, baixamos apostilas em PDF e vimos as características do conteúdo programático.

Tenho um convite para você!

Para contribuir com o Segredos de Concurso de maneira 100% gratuita, deixe um comentário dizendo o que achou desta publicação e dos materiais.

Dúvidas, críticas e sugestões são importantíssimas para aperfeiçoarmos o trabalho aqui no blog. Faço questão de ler cada comentário, e respondo na primeira oportunidade que aparece.

Até a próxima!

😉