Por que você está estudando para concurso público?

Por que estudar para concurso?

Vivemos em um mundo capitalista, onde nosso lugar interpessoal está diretamente ligado à nossa capacidade de compra.

Sabemos bem que um Juiz não tem o mesmo tratamento que um operário nos diversos setores em que atua, e que a vida pode se tornar mais fácil caso seu status financeiro seja numericamente relevante.

Entre ganhar R$2 mil por mês e R$8 mil por mês, quem escolheria ganhar menos?

Mas, a cada dia que passa, também percebemos que a grana, sozinha, não torna nosso mundo melhor. Isso porque, obviamente, dinheiro não nos torna uma pessoa melhor.

Por isso é importante considerar sempre outras variáveis quando você escolhe estudar para concurso público.

Convite para uma experiência

Experiência para concurso público

Para começarmos a conversar sobre isso, quero lhe convidar para uma pequena experiência.

Fique cinco minutos em silêncio, observando apenas sua respiração. Se possível, feche os olhos. Tente não se apegar aos pensamentos que surjam.

Ao término dessa prática, certamente você estará mais sereno e com a mente mais clara.

Agora, faça-se a seguinte pergunta: por que estou fazendo um concurso público?

Caso não surja algo específico, tente avaliar, dando notas entre 1 e 5, os seguintes aspectos:

  • Para ter uma remuneração melhor
  • Para ter um emprego estável
  • Para ter uma rotina fixa de trabalho
  • Para ser reconhecido socialmente
  • Para cumprir a vontade de minha família
  • Para mostrar aos outros que eu sou capaz
  • Para mostrar para mim mesmo que eu sou capaz
  • Para exercer a profissão dos meus sonhos
  • Para servir as pessoas
  • Para fazer a diferença no serviço público

No final dessa experiência, talvez você consiga perceber um rumo não tão lúcido nas suas decisões ligadas ao concurso público.

Outras possibilidades

Escolher concurso público

Pode ser que você esteja estudando para um concurso que não tenha nada a ver com você.

Aí você vai ter um bom salário, ser admirado pelas pessoas, mas um vazio interno pode surgir e você não vai resistir muito tempo, até pensar em desistir.

Fazer concurso público, de certa forma, virou moda, e há quem esteja nessa jornada sem saber direito os motivos. Isso é um risco muito grande.

Sabe aquele funcionário público ranzinza, que lhe atende mal, e age como se tivesse lhe fazendo um favor? Pois é… talvez ele tenha escolhido a profissão errada.

A hora de detectar se esse é seu caso é agora.

Há casos de quem nem sequer deveria fazer concurso público. Um emprego privado cairia melhor, ou mesmo tornar-se empreendedor.

Há felicidade, sim, fora do serviço público!

Paixão e motivação

Paixão e motivação para Concurso Público

Não estou tentando lhe desencorajar de estudar para concurso. Ao contrário, gostaria muito que você tivesse um nível de consciência do passo que está dando.

Se você trabalhar numa jornada de 40 horas semanais no seu futuro cargo, significa que quase metade do seu tempo acordado será no seu trabalho.

Você quer desperdiçar metade de sua vida em uma instituição que não faz um trabalho que lhe agrada, com funções que você não tem afinidade?

Escolher bem seu cargo e instituição é um diferencial enorme. Ter paixão pelo seu futuro trabalho pode ser o grande motivador na hora dos estudos.

Importante lembrar da frase de Confúcio:

“Escolha um trabalho que você ame e não terás que trabalhar um único dia em sua vida”.

Confúcio

Escolher bem seu concurso não é só questão de satisfação futura, mas também estratégia para ser aprovado mais rápido.

O que aprendemos nesse artigo

Finalizando esse artigo, quero convidá-lo a (re)pensar sobre sua escolha de concurso público.

Se ao pensar nele as palavras “sonho”, “prazer”, “motivação” e “ajuda” fluem com naturalidade, permaneça focado.

Se não, talvez seja hora de recalcular sua rota. Ganho financeiro é importante? Sem dúvida. Mas apenas isso pode lhe trazer frustrações profundas.

Agora preciso de você!

O que achou desse texto?

Me ajude deixando um comentário sobre as razões que fazem com que você preste concurso público.

Pra mim é fundamental contar com a sua participação. Faço questão de ler cada comentário, e respondo na primeira oportunidade que aparece.

Até a próxima!

😉