A técnica de estudo que aumenta 85% suas chances de aprovação

Técnica de Estudo

Já pensou se uma técnica de estudo aumentar 85% suas chances de passar em um Concurso Público?

Isso existe, não é enrolação, mágica ou chamada irresponsável para atrair público. E quem diz não sou eu, é o National Training Laboratories (NTL), organização norte-americana que agrega mais de 300 profissionais e cientistas dedicados ao estudo do desenvolvimento pessoal.

De acordo com o NTL, essa técnica de estudo garante 90% de absorção do conteúdo, enquanto a leitura tradicional que nós fazemos garante apenas 5% de absorção do conteúdo.

Incrível, não é mesmo?

Um fato desse não pode ser deixado de lado por quem está estudando para concurso público. Por isso resolvi discutir essa técnica e dar dicas de implementação aqui no Segredos de Concurso.

Vamos nessa!

Antes, um pequeno lembrete

Lembrete para Concurso Público

Antes de falarmos da técnica de estudo propriamente dita, é bom lembrar que cada um de nós tem uma individualidade que deve ser respeitada.

Nem sempre o que funciona para mim, funciona para você. Qualquer método de estudo é apenas um caminho para testarmos e adaptar à nossa própria realidade.

Conheça essa técnica de estudo e teste. Se der certo, siga com ela. Se não, tente adaptar ou abandone-a, caso não sirva para você.

Mas a partir de alguns relatos e de experiência própria digo com um bom nível de certeza que ela pode lhe ajudar bastante.

A técnica de estudo que vale ouro

Técnica de ouro para concurso

A técnica a que me refiro desde o início desse artigo é ensinar outras pessoas.

Por isso faz muito sentido a frase do pensador francês Joseph Joubert:

Quem ensina, aprende duas vezes.

Joseph Joubert

Faz muito sentido! Antes de ensinar algo, precisamos ter um contato inicial com o conteúdo, seja através da leitura, seja através de uma videoaula, por exemplo.

Convenhamos: esse primeiro contato geralmente é superficial. Insuficiente para estarmos capacitados a ensinar o conteúdo.

Então lemos ou assistimos novamente a aula, e começamos a buscar os “furos” do nosso aprendizado. Afinal, ao ensinar algo, queremos passar o conteúdo corretamente, com todos os detalhes necessários.

Imagina se seu aluno fizer uma pergunta e você não souber responder?

Ensinar nos coloca na obrigação de cuidar de todo o conteúdo, sem falhas. Além disso, ao ensinar, você pratica o conhecimento.

Você automaticamente associa o conteúdo estudado a um momento real: o momento em que está explicando o assunto para alguém.

Daí porque fica ainda mais difícil esquecer o que ensinamos.

A essa altura você deve estar se perguntando como ensinar a alguém, principalmente quando não conhece ou tem vergonha de ensinar a outras pessoas? Nos próximos tópicos vou mostrar todas as possibilidades para aplicarmos essa técnica.

Ensinamento real

Estudo presencial para concurso

A primeira e mais tradicional forma de ensinar outras pessoas é tendo colegas e amigos que estejam dispostos a se encontrar para receber suas aulas.

Se você faz cursinho, participa de grupos de estudo presenciais ou conhece outras pessoas em sua cidade que estudam para concurso, proponha alguns encontros com eles.

Vocês podem se revezar entre as disciplinas, de forma que todos possam aproveitar dos benefícios dessa técnica.

Ensinamento à distância

Ensino à distância para concurso

Sei que há uma dificuldade de encontrar pessoas que possam se encontrar presencialmente para estudar. Então, que tal fazer isso online?

Existem ferramentas bem interessantes, onde você pode ensinar conteúdos ao vivo. O Facebook e o Youtube são ótimas opções gratuitas. Outra possibilidade é o Skype.

Busque grupos e comunidades online que se interessam pelo seu concurso. Reúna-se com outros amigos virtuais e comece a praticar!

Ensinamento a si próprio

Técnico de estudo para concurso

Se você não consegue encontrar quem possa assistir suas aulas, ou se você tem vergonha de se mostrar para outras pessoas, ensine a si próprio!

Como fazer isso?

Simples: use a webcam do seu computador para dar a aula e depois assista você mesmo, vendo os pontos de fragilidade do conteúdo que você ensinou.

Ao detectar os pontos, você já sabe quais dúvidas deve tirar.

Quer uma dica ainda mais interessante? Que tal, sempre que acabar de ler um conteúdo, gravar um pequeno vídeo de revisão com o resumo do que você aprendeu?

Assim você treina sua capacidade de síntese e analisa a qualidade da sua leitura.

O que acha?

O que aprendemos neste artigo

Hoje aprendemos a técnica de estudo que pode aumentar em até 85% a absorção do conteúdo que você estuda.

Segundo pesquisadores do National Training Laboratories (NTL), ensinar a alguém é a forma mais eficiente de estudar com qualidade.

Mostrei por que essa técnica funciona e como aplicá-la na prática dos seus estudos para concurso público.

Agora preciso de você!

Chegando ao final do artigo, gostaria de contar com a sua colaboração com um simples comentário dizendo o que achou desse texto.

Se quiser deixe dúvidas, críticas ou sugestões. Para mim é essencial contar com a sua participação.

Faço questão de ler cada comentário e responder na primeira oportunidade que aparece.

Até a próxima!

😉

 

  • Jose Carlos

    Pelo que percebi essa técnica de estudo é muito parecida com o Método Feynman – você estudo um determinado assunto e depois vai explicar( ministrar uma aula) de forma tão simples que qualquer um pode entender.

    • Oi, Paulo… A Técnica Feynman utiliza os mesmos princípios que apontamos neste artigo. Abraço!

  • Paulo Nascimento

    Boa noite, Técnica Feyman, e isso ou um metodo novo.

    • Oi, Paulo… A Técnica Feynman utiliza os mesmos princípios que apontamos neste artigo. Mas tem detalhes que preferi não explorar aqui. Abraço!

  • Valéria Chiamente

    Boa noite! Uma técnica simples, mas que surte muito efeito!