Como vencer a Cespe: a mais temida banca de Concursos

Cespe Unb

Se você é um concurseiro atuante certamente já ouviu falar da Cespe/Unb, a banca mais temida entre todas as realizadoras de Concurso Público no Brasil.

A Cespe realiza boa parte dos principais concursos públicos do país, entre eles o da Polícia Federal e Rodoviária Federal, ABIN, Advocacia Geral da União, Caixa Econômica Federal, Câmara dos Deputados, Ministério Público da União entre outros.

Mas por que a Cespe é tão temida? Principalmente porque ela adota um sistema de pontuação diferente das demais bancas, onde a marcação como certa de uma questão errada faz com que o candidato perca ponto.

Isso significa que, em concursos organizados pela Cespe é possível que você tire zero na prova mesmo acertando metade das questões!

Além disso, as questões da Cespe não são de múltipla escolha. Cada tópico deve ser respondido como certo ou errado. Por isso as provas da Cespe costumam eliminar muitos candidatos mal preparados, ou candidatos desavisados, que não entendem bem o sistema de prova da banca.

Neste artigo vou lhe mostrar passo-a-passo como você deve se comportar em provas da Cespe, evitando perder pontos desnecessariamente.

É óbvio que nenhuma de nossas sugestões vai lhe tirar a obrigação de estudar bem e eficientemente. Mas vai lhe dar um norte para aplicar corretamente na prova tudo aquilo que você estudou. Vamos nessa!

Considere três opções de questões

Passar em Concurso da Cespe

Em uma prova da Cespe a maioria dos candidatos consideram três opções ao se deparar com uma questão: marcar como certa, marcar como errada ou não marcar.

Você fará diferente. No caderno de questões, você classificará cada questão como “tenho certeza” (se certa ou errada), “tenho dúvida” e “não sei”.

É como o semáforo: verde (siga em frente!), amarelo (atenção!) e vermelho (pare!). A seguir vou lhe mostrar porque classificar as questões assim é importante.

A regra 50/50

Passar em Concurso da Cespe

Pouca gente sabe, mas as provas da Cespe costumam ter 50% de questões certas e 50% de questões erradas. Fique à vontade para verificar os gabaritos de concursos anteriores ao que você quer fazer e comprovar esta tese.

Essa é uma informação preciosíssima, pois permite que você faça as seguintes análises na sua prova:

  • Se você marcou mais de 50% das questões como certas (ou como erradas) provavelmente alguns erros foram cometidos
  • Se você tem dúvida de algumas questões, só decida marcá-las ou não após fazer as contas da quantidade de certas ou erradas já marcadas com certeza

Sempre considere esse percentual antes de marcar definitivamente o cartão de respostas.

Marcação não intencional

Passar Concurso Cespe

O tempo para entregar o cartão de respostas vai acabando e você fica nervoso. Aquela questão que era pra ter ficado em branco acaba sendo marcada por um equívoco seu. O que fazer?

Simples. Assim como não marcar anula a questão, marcar as duas bolinhas (certo e errado) para a mesma questão evita que você perca pontos (mas também não ganha, obviamente).

Conheça segredos para turbinar seus estudos!

Insira o seu endereço de email abaixo para receber gratuitamente dicas surpreendentes sobre como estudar para Concurso!

Um alerta que pode significar sua aprovação!

Dicas aprovação Cespe

Fique atento ao edital do seu concurso da Cespe. Em alguns casos marcar uma questão indevida tira apenas meio ponto, em vez de um ponto.

A vantagem disso? É que sempre valerá a pena “chutar”, mas baseado nas regras que ensinei anteriormente, principalmente regra 50/50.

A título de exemplo, considere uma prova de 100 questões onde o candidato tem certeza de 50 delas. Se deixar as outras 50 sem marcar ele ficará com 50 pontos.

Caso marque as outras 50 e, dentro da probabilidade, aplicando as técnicas acima, acerte metade e erre metade, ele terá 25 pontos a mais (pelos acertos) e 12,5 pontos a menos (pelos erros). Ou seja: ficará com 62,5 pontos!

Leia atentamente o que o edital do concurso estabelece. Se o erro cortar apenas 0,5 ponto vale muito a pena se arriscar.

Lidando com a pressão

Fazer prova da Cespe

Lembre-se que a prova da Cespe é complicada para todos os candidatos (independentemente do nível de preparação). Não conheço sequer um candidato que tenha acertado todas as questões em um concurso da Cespe.

Por isso, fique tranquilo, e faça a prova tendo a certeza de que acertar entre 60% e 80% das questões (a depender da concorrência) já é uma grande tarefa.

Não deixe o “dragão” Cespe lhe abater.

Treine antes

Cespe Unb

Todas essas dicas vão lhe servir muito mais no dia da prova se você fizer simulados com provas anteriores do Concurso Público que pretende passar.

Caso não encontre provas anteriores do seu concurso, especificamente, procure outras provas de áreas e cargos similares. Treine cada uma das técnicas para chegar no dia da prova afiado.

Como mostramos, elas podem ser o diferencial para a sua aprovação.

O que aprendemos neste artigo

Se você leu até aqui, agora já está preparado para responder uma prova de Concurso Público da Cespe sem ter receio do funcionamento dela.

Mostrei como fazer para ganhar pontos em questões mesmo sem ter estudado o assunto delas. Fique atento principalmente à regra 50-50, uma das mais importantes deste artigo.

Tenho um convite para você!

Agora preciso da sua ajuda. Por favor, deixe um comentário dizendo o que achou do artigo.

Caso já tenha feito alguma prova da Cespe, e tenha dicas a dar para nossos leitores, comente sua sugestão. Para mim é muito importante ter esse retorno para continuar escrevendo sobre Concurso Público aqui no blog.

Até a próxima!

😉

  • Jaqueline

    Danilo, fiquei muito feliz com esta postagem! Motivo: eu estou estudando desde janeiro para concurso e
    resolvi testar meus conhecimentos (nunca fiz um concurso público). Neste final de semana eu resolvi as questões da prova de 2008, para Técnico do Seguro Social (INSS), a qual foi organizada pela CESPE.
    Eu consegui responder 130 questões das quais acertei 94 (o total era de 150). Apenas 20 delas eu nem quis arriscar, pois não sabia mesmo, nunca tinha lido sobre o assunto. Mas estou super feliz porque acertei a maioria, da CESPE!!! Nem acredito! Isto me deu mais forças para continuar acreditando! Obrigada! 😀

    • Sensacional, Jaqueline! 🙂

      • Jaqueline

        Olá Danilo! Seguidamente leio seus artigos! Hoje fiz questão de vir aqui comentar no mesmo artigo (que comentei ainda no ano passado) falando sobre CESPE. Eu estava iniciando meus estudos e aprendendo sobre as bancas. Quero te dizer que suas dicas foram valiosas. Coloquei em prática no último domingo (15/05/2016) na prova do INSS. Ainda não saiu o gabarito da banca, têm ainda os recursos e as possíveis anulações. Mas de acordo com o gabarito extraoficial dos cursos fiquei com 94 a 96 pontos líquidos (descontando erros e questões em branco). A concorrência neste concurso é desumana. Aqui na minha região são 1050 por vaga. Mas acho que me saí bem, tô ansiosa pelo resultado, mas também cautelosa. Obrigada mais uma vez pelas dicas!! Abraço!

        • Que legal, Jaqueline. Estou daqui torcendo para que obtenha sucesso. Mesmo! Parabéns pelo excelente desempenho. Abraço!

          • Jaqueline

            Obrigada! Abraço! 😉

    • Alex Ribeiro

      Só uma pergunta, isso funciona assim então, de 130, vc acertou 94 a diferença dá 36, então 94 certas – 36 erradas, te dá o resultado de 58 pontos nessa prova, seria isso???

      • Nesse caso, não, Alex, porque ela não quis arriscar 20 questões. Apenas 16 ela errou. Ou seja 94 menos 16 é igual a 78.

        😉

    • Adriana

      Oi Jaqueline, onde vc encontrou as questões de 2008? Também quero estudar, se puder me ajudar e me mandar o link por email eu agradeço muito adriana_zago85@yahoo.com.br. Parabéns Danilo pelo post, não faria ideia se não tivesse essas informações!

  • Antomiria Santana

    boas dicas Danilo!

  • Alexandre Garcia

    A CESPE também realiza concursos com questões de múltipla escolhas, bem raro isso acontecer, mas já fiz um concurso em que a CESPE era a banca organizadora e a mesma era de múktipla escolha.

    • Nunca vi uma prova da Cespe assim, Alexandre. Como você disse, é muito raro. Talvez uma exigência da instituição que contratou a Cespe.

  • wirlley

    as dicas são prciosicimas

  • Nara Barros

    Comecei a estudar pra concursos a pouco tempo, mas estou me dedicando bastante e suas dicas estão me ajudando muuuiittoo obgda, Danilo 😀

  • Pereirasantos

    Ótima postagem! Vamos em frente e sem desistir!

  • Loren Voos

    Postagem maravilhosa!!
    Ajudou muuuuuuuuuuuito!!!!

    Quando vi que era a CESPE pensei em desistir, mas esse post ajudou muito!!
    Bola pra frente e vamos lá!

  • Ana Karla Seara Guimaraes

    O Concurso INSS 2015 já está oficialmente definida a banca (cespe-unb) ou você esta sugerindo que estudem voltados para a mesma?

    Se, sim, qual é a fonte?

  • Wesley Oliveira

    Você não faz ideia de como esse post ajudou.. valeu mesmo!!

  • Beklangames Lan House

    Artigo de grande valia, procurarei lembrar de cada dica, obrigado

  • LILIAN

    ótimas dicas, valeu mesmo

  • Emanuele Souza

    Olááá!
    Ótimas dicas. Mas me surgiu uma dúvida, a CESPE está sendo a mais cotada para este concurso?
    Pois todos os cursos preparatórios que eu já fiz e faço estão todos voltados para a FCC. Os professores falam da FCC como se as chances de ser ela fossem de 95% ou como se a banca já estivesse definida.

    Obrigada pelas dicas, me serviram muito pois pretendo prestar novamente para a Caixa Economica Federal! 🙂

  • Ana Paula

    Oiiii.. Muito boa as dicas, me ajudaram muito. Agora é estudar, focar e que no final tudo dê certo… Obg pelas as dicas.

  • Gustavo

    Obrigado pelas dicas, sou iniciante em concursos público, mas pretendo tirar bom proveito dessas dicas.

  • Marcos Machado

    ótimas dicas! valerão muito durante a nossa preparação e no dia da prova.

  • Larissa Pasolini

    Muito obrigada por disponibilizar essas dicas e materiais, com certeza estão sendo de grande ajuda!

  • Júnior Jara

    ola ! essa Dica , foi ótima , ta me ajudando muito .

    grato , pela sua experiência.

  • Karoline Ramos

    Havia pensando no 50/50 mais n era uma coisa que tinha ficado na minha cabeça. Sei q se erro 50% da prova tenho 0, mais n não havia pensado nas coisas que você falou. Muito boom !

  • Arlene

    A Cespe faz provas também de múltiplas escolhas, um bom exemplo, foi a prova do TJ/CE 2014. Quanto ao percentual 50% C e 50% E não está valendo tanto assim, pois a última prova do MTE da Cespe, tinha 52 C e 48 E.

    • Olá, Arlene! Em raríssimas exceções o padrão Cespe é modificado. Isso ocorre geralmente quando a instituição que organiza o Concurso pede para tornar a prova menos difícil. Sobre a regra 50/50 é bom verificar se não houve questões anuladas. Quando isso ocorre não tem como manter o padrão 50 certas e 50 erradas. Abraço!

  • Débora

    Exceletes dicas, na ultima prova do INSS aplicada pela CESP foram 74C 74E sendo 2 anuladas. Muito Obrigada

  • Jorge Tadeu

    MUITO BOA A DICA

  • Eduardo Sanchez

    Boa noite! Podem me informar se é certeza que a banca do Concurso do INSS será a CESP? Desde já obrigado!

    • Eduardo… Ainda não foi definida. Em 2008 foi a Cespe. Abraço!

  • Nilton Bloemer

    ótimas informações, Parabéns!!!

  • Márcio

    Não consigo baixar o material

  • Luciana

    não consigo baixar o material

  • JOYCE

    KD O MATERIAL DE DIREITO QUE NAO ESTOU VENDO?

  • Mateus Matos

    Muito bom, show de bola! As informações são pertinentes!

  • Vinicius C

    Excelentes dicas Danilo, valeu !

  • André Knap

    kkkkkkkkkkkk a imagem do post é exatamente a imagem que eu tenho da Cespe! Parabéns pelo blog Danilo, ta show de bola mesmo, se puder visite o meu http://sitedosconcursos.com (estou montando ainda). Obrigado!

  • Pingback: ()

  • Rodrigo Mozart

    Obrigado pelas dicas!

  • Ricardo Almeida

    No concurso UNIPAMPA/2013 essa regra 50/50 foi por água abaixo. Foram 65 certas contra 55 erradas.

    • Pode ocorrer, Ricardo. De qualquer modo, as demais dicas servem para melhorar o desempenho. Abraço!

  • Nata Vieira

    Dicas de grande valia. Parabéns.

  • Fabrício Ribeiro

    Ótimas Dicas! Vou levá-las para a minha primeira prova (TCU) da CESPE nesse próximo mês.

  • Leandro Dias

    boas informações esta parte de 50 % certas e 50% erradas da totalidade das questões eu não sabia vlw pelas dicas

  • Francisco Silva

    Muito bom esse artigo! Valorosas dicas que levarei pra prova.

  • diogoferfla

    olá amigo, ótimas dicas, obrigado.
    quanto ao percentual de 50 a 50% está valendo sim, mas as pessoas tem que entender o seguinte pelo menos tenha certeza de 65% da prova(e com certeza haverá algumas questões erradas). e o percentual pode variar um pouco de 50/50 que não fará diferença, isso se o candidato souber pelo menos os 65% da prova…

  • Mayana

    Ola muito boa suas dicas, só tenho a agradecer, pela suas informações. Se possível Daniel você me tira essa dúvida! Em uma prova da cespe na duvida de uma questão é melhor chutar ou não responder deixa em branco?

  • Elaine Amaro

    Excelente!!! Muito obrigada Danilo pelas dicas.

  • Freitas Mundim

    Muito obrigado!

  • Renata Crespo

    Obrigada, vou usar as dicas na prova do TRE RS

  • Eliane Silva

    Muito bom o artigo. Excelentes dicas!

  • Adriane Gomes

    Nossa sem palavras para esse site tudo de bom, parabéns Danilo tudo aqui é muito bem explicado!!!

  • Pingback: ()

  • estevao Lobato

    Muito boas as dicas Danilo já andei pesquisando e posso dizer que é assim msm que funciona…lembrando que pode acontecer uma variaçao de cerca de 3 questoes a mais para um lado na regra dos 50/50 ou seja pode ocorrer de 47/53 por exemplo(47 certas e 53 erradas) e vice e versa, mas essa variaçao por ser pequena não influencia muito logo podemos ficar tranquilos haha

  • Ana Carolina Bastos

    Ótimas dicas – nunca havia parado para pensar na forma de cálculo. Ajuda bastante, Danilo. Obrigada!

  • Andre Marques

    Muito bom Danilo!

  • Lin Magnus

    Estou estudando muito para uma aprova elaborada pela cespe, e meu nível de acertos tem sido um pouco mais de 80%. Usarei as dicas para melhorar meus estudos, e alcançar o tão desejado cargo público!

  • André Batista

    Me ajudou bastante com suas dicas!!!
    Obrigado mesmo!

  • Cristiano Santos

    São muito úteis essas informações. Ficarei atento, pois vou fazer a prova do INSS e a banca será a CESPE..

  • Paulo José

    Parabéns Danilo, ótimo artigo!

  • Paulo José

    Já fiz 3 provas da banca Cespe, confesso que tenho dificuldades porque tenho 52 anos e há 7 sofri um AVC hemorrágico e além disso passei 30 anos sem estudar, voltei a estudar depois do AVC quando já estava com 47 anos,fiquei com sequelas motoras mas, estou me preparando para o INSS, tenho ciência que não será difícil só para mim.

  • NaTuU

    valeu man agora estou com mais uma arma contra esse demônio cespiano.

  • Diego

    Gostei Interessante e Bem Informativo Parabéns ! 🙂

  • samuel Romão

    Nossa,muito bom mesmooo!
    EU não sabia do funcionamento até meu irmão comentar,me aliviei bastante agora.
    Valeu!

  • Jaci Galvão

    Isso foi espetacular! Fico grata em vê-lo compartilhar conosco seu conhecimento! Imagina só esta sempre a um passo a mais que essa banca?! Bom de mais!
    Obrigada Danilo! Que Deus o abençoe mais ainda, não é todo mundo que gosta de compartilhar esses métodos para concurso! Creio que todas as suas dicas irão me ajudar a conquistar a vaga de técnico do INSS! Abraços!

  • Wiliam Borges

    Bom dia. Alguem ja viu se edital da cesp vai ser perder um ponto ou meio? Li edital mas nao consegui ver ainda. Edital extenso e posso ter passado batido.

    Parabéns Danilo. Essas dicas vao ajudar mto

  • Wiliam Borges

    Danilo, no exemplo que vc deu. 50C e 50E por exemplo… eu tenho… 40E e 10C mas posso errar 10 aqui pra chegar aos 50… nao seria mellhor deixar tudo em branco… pq se eu tiver certeza de 50 certa é melhor nao???

  • Angélica Teixeira

    Muito obrigada pela ajuda Danilo, estou correndo contra o tempo estudando para o INSS, seu site está sendo precioso nesse processo de estudos 😀

    • Que bom, Angélica! Intensifique cada vez mais sua motivação e dedicação! Abraço!

  • Liane Amorim Matos

    Só tenho a agradecer pelas dicas, estou iniciando agora essa batalha! Ainda não tinha tanta noção quanto ao assunto abordado.

  • Damiany da Fonseca

    Sua didática é muito boa…é basicamente a mesma informação dos sites bons que andei lendo por aí, mas gostei da sua página em geral.
    Parabéns!

  • Andrezza Lopes

    Danilo, como você acha que vai ser a divisão de questões de conhecimento básico no INSS? São 50 questões.. mas o Edital não fala quantas questões serão de cada conteúdo. Tem algum palpite? Muito obrigada pelas dicas!! Tô amando o blog! Beijos

  • Piero

    Li comentários em outros sites dizendo que para o CESPE, questão incompleta é questão certa. Entretanto, nos simulados que ando fazendo vejo o oposto. Pela sua experiência, o que me diz.

  • Guilherme Vazquez Ibanhez

    A “nota de corte” de provas da cespe é mais baixa que de outras instituições? Quanto mais baixo em %? (Por exemplo, se não fosse pelo cespe o primeiro colocado teria nota 8, e se fosse pelo cespe essa nota seria 7…)

    • Olá, Guilherme! Que eu saiba, não. Acho que cada concurso tem sua especificidade. Mas vou analisar para ver se encontro um padrão. Abraço!

  • Carlos Eduardo

    Cara isso e fantástico!!!

    eu lhe agradeço isso pode mudar a minha vida.

    Aquele abraço

  • Herley Jonas

    Post muito bom e com uma didática excepcional.

  • Neto Lopes

    muito bom só preciso ler mais a questão das três opções.

  • Show de bola, Felipe. Abraço!

  • lorena gomes de souza

    Muito obrigada pelas dicas vão ajudar muito!

  • Kelly Souza

    Já me sinto mais tranquila com essas dicas!! Nunca fiz prova da CESPE, agora farei a do INSS. Obrigada!! 🙂

  • Luã Barbosa

    Show, uma duvida, vc tem ideia de como sera a divisao das questoes do concurso do INSS? serao 70 questoes de previdenciario e 50 de conhecimentos basicos, mas esses basicos a qtdade de cada materia da pra ter uma noção?

  • Lucas Felipe Nogueira

    Excelente trabalho Sr. Danilo!

  • frasley ribeiro da cruz

    Massa

  • Ana Vitória Fernandes

    Gostei muito do blog, mas infelizmente não consigo abrir o material. Como poderíamos resolver isso?

  • Bruna Stefany

    Muito interessante todo artigo, vou começar a me preparar para o concurso do INSS. Brigadoooo 😉

  • Rodrigo Marques Santos

    Obrigado pelas dicas!

  • Lorena Duarte

    Melhor site de preparação para concursos!!! Amando!!

  • Luiz Henrique Romanin

    Pôxa e eu nem sabia disto, vou prestar um concurso com prova da CESPE e já me animou muito.

  • Tatiana

    Obrigada pelas dicas, achei teu artigo muito fácil de entender o sistema da Cespe. Agora ficou menos difícil!

  • Alamir Kommling

    Pode anotar aí Danilo, se eu passar usando suas dicas, eu pago um engradado de ceva pra vc. Vlw pelas dicas!

    • hahaha… Obrigado, Alamir. Não bebo. Mas se você vier contar sobre sua aprovação já está de bom tamanho. Abraço!

  • Lily Noah

    Me ajuda, Danilo? Fiquei em dúvida. “Caso marque as outras 50 e, dentro da probabilidade, aplicando as técnicas acima, acerte metade e erre metade, ele terá 25 pontos a mais (pelos acertos) e 12,5 pontos a menos (pelos erros). Ou seja: ficará com 62,5 pontos!” Pera, mas se uma errada anula uma certa, como eu vou ter 25? Se eu errar 25, então as 25 certas seriam anuladas, não? Isso bugou meu cérebro, desculpa! A propósito, dicas valiosíssimas!

    • Oi, Lily! Como digo no texto, esse cálculo só serve nos casos onde marcar uma questão indevida tira apenas meio ponto, em vez de um ponto, entendeu? Abraço!

      • Lily Noah

        Ah, entendi! Caso você não esteja certo, vale arriscar dessa maneira, certo? Resta saber quem sai na frente nessa brincadeira, questões com meio ponto tirado, ou questões com um ponto tirado. Mas o certo é que ambas as regras estarão presentes, correto? Obrigada pela atenção! *-*

        • Oi, Lily. Na verdade, são duas regras distintas. Em um tipo de prova, uma questão errada anula uma certa. No outro tipo de prova, duas questões erradas anulam uma certa. A depender do que disser seu edital, você deve seguir a estratégia mais adequada. Abs!

          • Lily Noah

            Muitíssimo obrigada! Sua demasiada solidariedade com seus seguidores e a celeridade do seu auxílio é descomunal, revigorante e substancial! Sucesso com o blog, merece muito! <3

  • Joselha Silva

    Danilo, eu tenho uma dúvida, em apenas uma questão que tenha duas afirmativas em que uma esteja CORRETA e a segunda esteja INCORRETA, marco ela como CERTA ou ERRADA?

    • Oi, Joselha. Se parte de uma questão está errada, ela deve ser considerada errada. Abraço!

  • Juliana Tamura

    Olá Danilo. Que joia esse artigo. Muito bom! Parabéns!
    Mas estou com dúvidas em relação à legislação: o CEBRASPE divulgou comunicado dizendo que a legislação com entrada em vigor após a data de publicação do edital (22/12/2015) não será objeto de avaliação, salvo se publicada nos objetos de avaliação constantes do item 14. E agora? Como saber responder as questões? Já estava estudando de acordo com todas as alterações que ocorreram no final de 2015! 🙁

    • Oi, Juliana! Minha dica é dar uma repassada para ver quais foram as modificações. Sem lamentos. Vamos em frente! 😉

  • Juliana Tamura

    Olá Danilo. Parabéns pelo artigo. Muito bom mesmo.
    Queria tirar uma dúvida a respeito da legislação: leis aprovadas depois da publicação do edital só serão cobradas se constantes do item 14. E agora? Já estava estudando todas as alterações do fim de 2015. O que faço?

    • Oi, Juliana! Se novos conteúdos foram adicionados, você tem que estudá-los. Mas fique tranquila: a dificuldade não é só para você. Todos os concorrentes passarão por ela. 😉

  • Marcos Paulo

    Caro Danilo, boa tarde!

    Obrigado!

    Se aprovado me comprometo a compartilhar como suas valiosas dicas me proporcionaram êxito.

    Grande abraço!

  • Giovana

    Top Danilo…Adorei,a sua forma de abordar o assunto é bem didática,transparente e interativa.

  • Jéssica Fonseca

    Essa dica é muito valiosa! Lembro que fiz a prova da Caixa sem saber desse “pequeno” detalhe e foi muito chato descobrir que meus acertos tinham sido basicamente em vão diante das marcações erradas rss Estou amando os artigos!

  • Nah Corrêa

    Maravilhoso o artigo.

  • Diego Ribeiro

    Gostei muito das dicas Danilo… porém não me dediquei como deveria e vou arriscar fazer a prova mesmo assim no domingo… Abraço.

    • Oi, Diego! Não se desespere. Fique calmo. Outros concursos virão. Abraço!

  • Lais Santos

    Todos que fizemos a prova do INSS estamos com uma enorme dúvida sobre qual será a nota de corte, visto que não dá pra se basear muito pelas notas anteriores, porque a prova foi MUITO concorrida e não estava tão difícil. Mas pela sua experiência, uma nota de 93 pontos líquidos tem chance de estar na lista de aprovados. Na minha GEX foram 14 vagas para a ampla concorrência (as que concorro) e serão aprovados 57 candidatos. O que você acha?

    • Oi, Lais! É possível, sim. Mas, como disse, tudo é muito imprevisível nesse momento. Mas acredito que você está no páreo! Abraço!

  • Rodrigo Ferraz
  • Sumaya Caroline Santos Gonçalv

    Queria tirar uma curiosidade: Você já percebeu se a proporção 50/50 é para a prova toda ou também para a prova de conhecimentos específicos e básicos?
    Exemplo: a prova contém 120 questões divididas entre
    60 de conhecimentos básicos ( 30 certas e 30 erradas) e 60 conhecimentos específicos ( 30 C E 30E)
    Ou apenas 60 certas e 60 erradas sem limitar-se a divisão dos conhecimentos .?!?

    Fui clara?
    Obrigada

    • Oi, Sumaya! É uma boa questão. Vou analisar algumas provas pra verificar isso. Abraço!